Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você acredita que a democracia está ameaçada no Brasil?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 01.07.2022 15:40h
Política Externa

Brasil assume presidência do Conselho de Segurança da ONU nesta sexta

 

O brasileiro Ronaldo Costa Filho (foto ilustração) assume, temporariamente, a presidência do Conselho de Segurança da ONU nesta sexta-feira (1º/7) representando o Brasil. O cargo rotativo passa pelas mãos de vários embaixadores de outros países ao longo do ano. Ronaldo presidirá as reuniões e encontros durante o mês de julho. Antes de deixar o cargo, Ronaldo deve ainda ser presidente em outubro de 2023.

O que é o Conselho de Segurança da ONU?

15 países fazem parte do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas. Cinco deles são permanentes no Conselho e possuem poder de veto. Os membros permanentes são: Rússia, Estados Unidos, França, Reino Unido e China.

Os outros 10 países ocupam cadeiras de maneira rotativa e são eleitos para mandatos bianuais. Cada um deles têm poder de voto comum.

O Brasil voltou ao Conselho no início de 2022 e permanecerá nele até o fim de 2023, assim como Albânia, Gabão, Gana, Emirados Árabes Unidos (AEU), Índia, Irlanda, Quênia, México e Noruega — os outros nove países eleitos para o biênio de 2022 e 2023. (Camilla Germano)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2022

2021

2020

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia