Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Deve ser proibido o uso de celular nas escolas?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 31.05.2023 05:50h
Chapada Diamantina

Iaçu: Justiça derruba liminar e vereador Gil Sampaio será investigado por quebra de decoro

 

O Tribunal de Justiça da Bahia derrubou uma liminar que havia suspendido a Comissão Processante da Câmara de Vereadores de Iaçu-Bahia, que analisa um pedido de cassação do vereador Gil Sampaio (PSD-Foto). A decisão foi determinada pelo Desembargador PAULO ALBERTO NUNES CHENAUD e publicada nesta terça-feira (30/05).

A comissão foi aprovada no dia 25 de abril após uma solicitação protocolada por cidadão que atribui a Gil Sampaio a quebra de decoro parlamentar por apresentar documentos sem validade para obter uma decisão judicial.

Ao ingressar na Vara dos Feitos de Relações de Consumo, Cíveis e Comerciais da Comarca de Iaçu/BA, o parlamentar alegou ter vicio procedimental pelo fato da Comissão Processante, não ter formulado opinativo acerca da defesa prévia do impetrante e sua submissão ao Plenário da Casa.

“Na verdade, o parlamentar investigado omitiu ao judiciário que o parecer opinativo da Comissão Processante já tinha sido publicado no Diário Oficial da Câmara. Ou seja, o vereador tem a prática costumeira de enganar o judiciário” disse um vereador.

Na decisão do Desembargador PAULO ALBERTO NUNES CHENAUD, fica bem claro, que não existe qualquer irregularidade na tramitação da Comissão Processante, conforme transcrevemos “Ante o exposto, RECEBO O RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO, CONCEDENDO O EFEITO SUSPENSIVO vindicado para, sustar os efeitos da decisão liminar proferida pelo d. Juízo da Vara dos Feitos de Relações de Consumo, Cíveis e Comerciais da Comarca de Iaçu/BA, no âmbito do Mandado de Segurança tombado sob n° 8000947-21.2023.8.05.0090, garantindo à Câmara Municipal de Vereadores de Iaçu/BA, o direito à regular tramitação do Processo Administrativo n° 001/2023, instaurado para apurar a conduta do edil Gilvan Freitas Sampaio”.

Segundo os vereadores da Comissão Processante, a denúncia vai seguir o rito normal e o próximo passo vai ser arrolar as testemunhas indicadas pelo vereador denunciado “Temos a certeza que estamos fazendo o nosso trabalho de maneira correta e essa decisão demonstra isso. Vamos seguir os próximos passos ouvindo as testemunhas e dando continuidade a investigação” disseram. (chapadaemalerta)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2024

2023

2022

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia