Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

O governo Lula deveria ter mais ministras mulheres?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 20.11.2023 09:30h
Superior Tribunal de Justiça

Três novos ministros tomam posse nesta semana no STJ

 

Uma advogada e dois desembargadores tomarão posse na próxima quarta-feira (22) como ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A nomeação de Daniela Teixeira, José Afrânio Vilela e Teodoro Silva Santos foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União de 10 de novembro. Os três foram escolhidos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a partir de listas tríplices (Foto ilustração)

A advogada Daniela Teixeira, que atuava no Distrito Federal, foi a única mulher que constou na lista dos candidatos pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para a vaga aberta no STJ. Ela disputou o cargo com Luiz Cláudio Allemand e Otavio Rodrigues, e entra na Corte na cadeira destinada à advocacia que ficou aberta devido à aposentadoria do ministro Felix Fischer.

Em entrevista ao R7 após ter sido indicada na lista tríplice, Daniela afirmou que seguirá trabalhando pela justiça, como sempre fez. A advogada disse ainda que o Poder Judiciário é hoje o que tem menos mulheres em cargos de comando e que isso precisa mudar.

José Afrânio Vilela atuava como desembargador no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Ele vai ocupar a vaga do ministro Paulo de Tarso Vieira Sanseverino, que morreu aos 63 anos em Porto Alegre, em abril.

Teodoro Silva Santos desempenhava a função de desembargador no Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) e entra no STJ na cadeira deixada pelo ministro Jorge Mussi, que se aposentou.

Segundo a Constituição Federal, as cadeiras do STJ são divididas da seguinte forma: um terço entre juízes dos tribunais regionais federais e um terço entre desembargadores dos tribunais de Justiça, indicados em lista tríplice elaborada pelo próprio STJ; além de um terço, em partes iguais, entre advogados e membros dos ministérios públicos Federal, estaduais e do Distrito Federal e dos Territórios. (r7)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2023

2022

2021

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia