Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Deve ser proibido o uso de celular nas escolas?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 28.11.2023 05:00h
Feira de Santana

Agentes de endemias participam de treinamento com equipe do Ministério da Saúde

 

Supervisores de campo do Centro Municipal de Endemias participaram da reunião nacional com a equipe do Ministério da Saúde e a Divisão de Vigilância Epidemiológica da Bahia (Divep). O treinamento que tem por objetivo preparar Feira de Santana para o período de alta transmissão de arboviroses ocorreu entre os dias 22 e 24 de novembro, no Centro de Atendimento ao Feirense. (Foto ilustração)

Segundo a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Carlita Correia, durante o encontro foi debatido a implantação de novas estratégias de trabalho de campo para combater o mosquito Aedes Aegypti- transmissor da dengue, zika e chikungunya.

“A partir dessa troca de experiência sobre a organização dos serviços, já iremos iniciar os trabalhos de contingência municipal, considerando os dados que temos e a incorporação das novas tecnologias para o controle vetorial”, ressaltou.

A coordenadora do Centro Municipal de Endemias, Síntia Sacramento, destaca que o verão por ser uma estação de chuvas rápidas com intervalos de altas temperaturas é o período em que mais se contabilizam casos de dengue.

“Vamos começar o trabalho nos bairros com maior número de casos. De acordo com o cálculo realizado pela Divep, neste início, receberemos cerca de 990 armadilhas que serão distribuídas em pontos estratégicos. Será um trabalho bem específico e voltado para alcançar as áreas consideradas zonas quentes, onde há maior concentração de focos”, pontuou.

De janeiro até novembro, Feira registrou 2.711 casos de dengue, sendo 293 com sinais de alarme, 12 graves e quatro óbitos. Entre os bairros que lideram o número de pessoas infectadas estão Tomba (383), Mangabeira (370) e Conjunto Feira X (315). (Secom) 

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2024

2023

2022

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia