Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Deve ser proibido o uso de celular nas escolas?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 28.11.2023 12:40h
Presidente do Banco Central

Selic pode cair para 11,25% ao ano; sinaliza falas de Campos Neto em entrevista

 

Vêm aí mais dois cortes na taxa básica de juros? Muito provavelmente. E quem fez o mercado cimentar essa expectativa foi o próprio presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto (foto ilustração), após declarações feitas na última semana.

Em entrevista a um canal de TV, o presidente do BC afirmou que é difícil dizer até onde vai o ciclo de redução dos juros. Mas uma coisa é certa: até o fim de janeiro, pode-se esperar por uma Selic chegando a 11,25% ao ano.

“Agora iniciamos o processo de cortes das taxas. É difícil dizer onde isso vai terminar, creio que isso depende de vários diferentes fatores, mas acho que o Brasil está fazendo certo. Estou confiante de que seremos capazes de estabilizar a inflação”, afirmou Campos Neto.

“A única coisa que podemos dizer é que o corte de 0,50 ponto é o apropriado a seguir nas próximas duas reuniões. Depois disso, irá depender de várias coisas”, acrescentou.

Coincidência ou não, um novo frescor de otimismo tomou conta dos mercados brasileiros logo após as declarações de Campos Neto – especialmente no que diz respeito aos ativos de risco.

No dia seguinte à entrevista do presidente do BC (22), o Ibovespa, que é o principal índice da Bolsa de Valores, chegou a ultrapassar os 126 mil pontos – patamar que não era alcançado há mais de dois anos. Só nos últimos 30 dias, o índice já acumula uma alta de 10,46%. Seria esse só o começo de uma disparada das ações tupiniquins? (Bruna Martins) 

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2024

2023

2022

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia