Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Deve ser proibido o uso de celular nas escolas?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 28.11.2023 14:30h
Tribunal Regional Eleitoral do Paraná

Relator de caso contra Moro perde recondução no TRE-PR

 

Uma mudança no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) deve alterar o futuro do caso em que se julga a campanha ao Senado de Sergio Moro (União-PR – foto ilustração). Em uma eleição na segunda-feira, 27, o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) escolheu os dois novos desembargadores que comandarão a corte eleitoral até 2026.

Sigurd Roberto Bengtsson e Luiz Osório Moraes Panza foram os escolhidos. Relator do caso de Moro no TRE, o desembargador Dartagnan Serpa Sá era um dos favoritos, mas acabou não sendo reconduzido ao tribunal.

O mandato de Serpa Sá na corte eleitoral acaba no próximo dia 14. Por mais que se acredite que o magistrado pode acelerar os trâmites do caso que pode levar à cassação do senador, são pequenas as chances de ele conseguir pautar o caso e levá-lo a julgamento antes do fim de sua passagem na corte.

Assim, abre-se uma nova brecha: como os novos presidente e vice-presidente assumem os seus cargos apenas em fevereiro do ano que vem, a prerrogativa sobre levar o caso de Moro a julgamento ficará sob a responsabilidade do desembargador Luciano Carrasco Falavinha. (oantagonista)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2024

2023

2022

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia