Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Lula preso, você acredita que ele é inocente?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 20.04.2017 12:32h
Lava Jato

Neto sobre Wagner: "Qual moral ele tem? Ele é acusado de corrupção"

 
Prefeito de Salvador ACM Neto (DEM)

Prefeito de Salvador ACM Neto (DEM)

Alvo de um pedido de investigação por suspeita de receber caixa 2 da Odebrecht, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), subiu o tom, nesta quinta-feira (20), ao reafirmar a sua inocência nos crimes investigados pela Operação Lava Jato.

Em entrevista após o 1° Workshop Salvador Cidade Resiliente, na Casa do Comércio, na Avenida Tancredo Neves, o gestor soteropolitano atacou diretamente o ex-governador e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner (PT), para quem o inquérito atrapalha os planos futuros do democrata, que estuda a possibilidade de disputar o Palácio de Ondina em 2018.

“Qual a moral que ele tem? Ele é acusado de corrupção. Eu não. Não tenho nada a ver com corrupção nem com a Lava Jato. Certo? O PT, sim, tem a ver com corrupção e com Lava Jato. Eles é que sabem tratar desse assunto”, afirmou.
Neto se irritou ainda ao comentar a tese de alguns aliados do governo, como o deputado federal Jorge Solla (PT), de que ele perdeu o discurso de “ética” após ser citado em delações de executivos e ex-executivos da empreiteira.

“Ele procurou saber de Rui Costa, do Jaques Wagner alguma coisa? Não. Não me meça pela régua deles. O PT é o partido mais corrupto do Brasil e não pode querer generalizar isso. Estou absolutamente tranquilo. Não sou acusado de corrupção. Não tenho nada a ver com Lava Jato e não me misturo, nem com Jorge Solla, nem com os partidários dele”, disse. (Bahia.ba)

 
Comente Ler Comentário (1)
 
 

Comentários:

 
JN escreveu:
muito bem neto! esse bandidos do erário ñ tenho moral de falar de ninguém.
 
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


União Médica

 
 
 
 
Facebook
 
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Festa de Ipuau
 
Cavalgada de Antonio Cardoso
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2018

2017

2016

 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia