Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você já escolheu seu candidato para presidente da República?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 12.10.2017 06:34h
Festival 2018

UNE entra com ação contra Lollapalooza por burlar lei da meia entrada

 

A UNE e outras entidades estudantis entraram com uma ação contra o Lollapalooza, argumentando que os organizadores do evento estão burlando a lei da meia entrada. Eles teriam aumentado o preço de todos os ingressos em cerca de 63% em relação ao ano passado. Assim, metade do valor se aproximaria, de fato, do custo cheio da entrada de 2017, que ocorreu no mês de março. Ao mesmo tempo, criaram uma opção para que o preço da inteira não ficasse tão salgado: a “entrada social”, que sai exatamente pela metade do preço para quem doar R$ 30,00 ao Criança Esperança, da TV Globo. Já no terceiro lote, o preço do ingresso para o festival, que terá duração de três dias, de 23 a 25 de março de 2018, custa R$ 1.750,00, a entrada social R$ 880,00 e a meia R$ 850,00.

Justificativa

A T4F Entretenimento, produtora do festival, se defendeu argumentando que a edição de 2018 terá duração de três dias e a de 2017 teve apenas dois. Segundo a empresa, isso justificaria o aumento de 63% no valor do ingresso e por esse motivo não se pode dizer que está o dobro do valor, como as organizações estão alegando. (A Gambiarra)
 

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


União Médica

 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Look Pessquisas
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2018

2017

2016

 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia