Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você lembra em quem votou para vereador em 2016?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 30.03.2019 07:00h
Feira de Santana

Prefeitura suspende a realização de eventos com uso indevido de aparelho de som

 

A Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Meio Ambiente, notificou por poluição sonora a Arena Senador, localizada na avenida Senador Quintino, e o Carango, na rua Santo Antônio, nos Capuchinhos. As blitzen, que contaram com o apoio da Polícia Militar, foram realizadas na noite de quinta-feira, 28. (Foto ilustração)

Os fiscais determinaram, no Carango, que o evento com o uso de som que estava acontecendo local fosse imediatamente suspenso. Já na Arena, a apresentação de uma banda estava prevista para às 23h – chegaram por volta das 22h – não fosse realizado.

Em ambos os espaços os níveis sonoros não estavam compatíveis para o horário – à noite o limite é de 60 decibéis, contra 80 decibéis durante o dia. “Os resultados das ações serão encaminhadas ao Ministério Público”, disse o secretário Arcênio Oliveira.

Os vizinhos de ambos os espaços reclamaram do alto volume, que estavam lhes tirando o sossego, o que embasou a ação da Semmam, atendendo também a determinação do prefeito Colbert Martins Filho. O secretário disse que as pessoas que se sentirem incomodadas devem comunicar o problema à secretaria que as providências serão devidamente tomadas.

Ele disse que os administradores do Carango já respondem ação no MP por poluição sonora e que os da Arena anteriormente já pediram prazo para que o local fosse estruturado para atender a legislação ambiental. “A reincidência pode resultar em interdição dos espaços”.

Os donos dos estabelecimentos foram informados oficialmente que deveriam apresentar, em até 24 horas depois da visita dos fiscais, projetos de adequação acústica, com assinatura do técnico responsável, e o alvará para uso de equipamento sonoro, que é expedido pela Semmam. Os documentos não foram apresentados.

“Todos os estabelecimentos que usam aparelhagem sonora devem se adequar sob pena de medidas administrativas e a apreensão do equipamento, porque ninguém pode perturbar o sossego das pessoas”, comentou o secretário.

Ainda na rua Santo Antônio, a fiscalização apreendeu o equipamento de som do Batata Vip, que estava posicionado no passeio e com o volume acima do permitido para o horário. Foi levado para o depósito para onde a Semmam destina estes produtos. (Secom/Fsa)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Pazzi Povo FM
 
CMARA MUNICIPAL SO GONALO DOS CAMPOS
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2020

2019

2018

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia