Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você daria um Título de Cidadão a Jair Bolsonaro?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 30.04.2019 15:20h
"Arrependido de ter sido tão leal"

Rui desconversa após Nilo dizer que foi "abandonado" pelo governo

 

O governador Rui Costa (PT) evitou polemizar declaração do deputado federal Marcelo Nilo (PSB), que, em entrevista à rádio Metrópole, diz ter se arrependido de manter “lealdade canina” tanto com o chefe do Palácio de Ondina quanto com o ex-governador Jaques Wagner (PT). (Foto ilustração: (Jaques Wagner, Marcelo Nilo e Rui Costa)

“Marcelo é um grande amigo e continuará sendo um grande amigo do governador e, com certeza, do Wagner. As amizades não se enfraquecem rapidamente. Da minha parte está sempre forte”, disse Rui na manhã desta terça-feira (30), em entrevista coletiva na Vila Policial Militar do Bonfim, em evento de comemoração ao 194 anos da PM baiana.

Ao apresentador Chico Kertész na segunda (29), Nilo afirmou já ter se sentido abandonado pelo governo petista.

“Já passei 4 horas para ser recebido por Rui Costa, e não fui recebido”, disse na entrevista.

Na ocasião, o ex-presidente da Assembleia Legislativa também reafirmou que pretende disputar a sucessão estadual em 2022 sem cometer os mesmos erros de 2014. (bahia.ba)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Pazzi Povo FM
 
Iau - cavalgada
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2019

2018

2017

 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia