Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

O presidente Jair Bolsonaro deve deixar o PSL, partido que foi eleito?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 13.08.2019 11:30h
Feira de Santana

Mais de 2,8 mil pessoas estão em tratamento contra a Aids em Feira

 

Em Feira de Santana, mais de 2,8 mil pessoas com HIV estão em tratamento no Programa Infecção Sexual Transmissível/DST/Aids. O equipamento mantido pelo Governo do prefeito Colbert Martins Filho funciona no Centro de Saúde dr. Leone Leda. No primeiro semestre, exames detectaram que 160 pessoas foram contaminadas pelo HIV, que provoca a aids. (Foto ilustração)

Elas se submeteram ao teste rápido, cujo resultado é apresentado em meia hora, e ao exame sorológico, que demanda alguns dias para que o resultado seja apresentado.

A média de novos diagnósticos chegou a quase um por dia. Em 2018 foram 360 novos casos. Houve uma redução de 20 infecções, na média, em relação aos primeiros seis meses do ano passado.

A maioria dos novos pacientes, como vem sendo constatado nos últimos anos, é formada por homens, que se declaram heterossexuais, entre 21 e 30 anos – em idade reprodutiva.

Significa que estas pessoas não usaram o preservativo, que é a mais eficiente ferramenta para se evitar este e outros tipos de infecções provocadas pela relação sexual.

Há também aquelas pessoas que já apresentam sintomas da aids porque não buscaram tratamento médico quando descobriram o vírus nos seus organismos.

A coordenadora do programa, Vanessa Sampaio, disse que o número de mulheres com HIV é quase igual às pessoas do sexo masculino. “Há alguns anos, era uma mulher para quatro homens.

Quem for diagnosticado com o vírus é encaminhado para fazer novos exames e, se confirmada a presença, passa a receber orientação médica. O tratamento é iniciado imediatamente.

O antirretroviral mantem a carga viral indetectável, permitindo que o organismo se recupere, bem como a qualidade de vida. (Secom)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Pazzi Povo FM
 
Iau - cavalgada
 
LADO A LADO COM VOC
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2019

2018

2017

 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia