Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

O Brasil deve receber ajuda internacional para o combate a incêndio na região amazônica?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 08.10.2019 15:50h
Paris

França se nega a assinar acordo entre a União Europeia e o Mercosul

 

Depois de 20 anos de negociação, o acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia, finalmente firmado no fim de junho, corre o risco de ruir em meio à falta de diplomacia do governo brasileiro na área ambiental. A França, uma das maiores economias da Europa, está impondo barreiras para a concretização do tratado por considerar que o Brasil não está respeitando o Acordo de Paris sobre o clima. (Foto ilustração)

"Não podemos assinar o acordo de comércio com um país que não respeita a floresta amazônica, que não respeita o Acordo de Paris. A França não vai assinar o acordo com o Mercosul nestas condições", afirmou a ministra do Meio Ambiente do governo Emmanuel Macron, Élisabeth Borne, em entrevista ao canal de tevê BFM.

Em setembro, o Parlamento da Áustria votou contra o acordo de livre comércio entre o bloco europeu e o sul-americano, integrado por Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai.

A imagem do país lá fora tem sido bastante afetada em meio às queimadas na Amazônia e às ofensas do presidente Jair Bolsonaro ao presidente Emmanuel Macron, e à chanceler alemã, Angela Merkel. (correiobraziliense)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Pazzi Povo FM
 
Iau - cavalgada
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2019

2018

2017

 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia