Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você acredita que haverá segundo turno para presidente no Brasil em 2022?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 30.04.2020 13:00h
Feira de Santana

Secretaria coletou nova amostra para diagnóstico laboratorial da Covid-19 em encarcerado

 

Um homem que se encontra encarcerado no Complexo de Delegacias do Sobradinho teve resultado positivo em teste rápido, que pode diagnosticar a Covid-19 e entre outros vírus, realizado pela Prefeitura através da Vigilância Epidemiológica na tarde desta quarta-feira, 29. Outros 22 detentos que realizaram o exame tiveram resultado negativo. (Foto ilustração)

Devido este diagnóstico positivo e por apresentar sintomas da doença, uma nova amostra para realização do exame RT-PCR (Reverse transcription polymerase chain reaction) em tempo real, que é 99,8% seguro, foi coletada e encaminhada para análise do Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen), informa Prefeitura de Feira de Santana através da Secretaria de Saúde.

Na última semana este mesmo detento teve uma amostra coletada para análise do Lacen e o resultado negativo foi liberado na noite desta quarta, bem como de outros três que realizaram o exame.

"Sabemos que o teste rápido possui eficácia para diagnóstico, mas existem também outros vírus e outras doenças que podem provocar uma reação cruzada, interagindo no teste e causando a confirmação. Por este motivo quando há confirmação no teste rápido encaminhamos para realizar o RT-PCR, que é um exame padrão ouro, 99,8% seguro e pode diagnosticar com precisão", explica Neuza Santos supervisora da Vigilância Epidemiológica.

A Secretaria de Saúde, bem como a Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores, doaram máscaras para uso dos presidiários e dois termômetros. Além disso, kits com equipamentos de proteção individual foram doados para uso dos funcionários. Uma equipe de educação em saúde esteve prestando orientações aos presidiários e funcionários.

Enquanto aguarda o novo resultado o detento está sendo monitorado Vigilância Epidemiológica.

RT-PCR

O exame RT-PCR (Reverse transcription polymerase chain reaction) em tempo real é um método de análise laboratorial utilizado para detecção de alguns vírus, incluindo a Covid-19. Este tipo de teste possibilita identificar o vírus logo no início, ou seja, no período em que ainda está agindo no organismo.

O material dispõe de um swab, cotonete estéril, para coleta de amostras nasal e orofaringe do paciente que serão analisadas por laboratório autorizado.

Sobre o teste rápido

O teste rápido apresenta o resultado em até vinte minutos e pode diagnosticar o novo coronavírus, se a pessoa está ou se teve, bem como outros vírus respiratórios, por este motivo quando o resultado é reagente a Vigilância Epidemiológica coleta uma amostra do paciente e encaminha para análise laboratorial.

Pelo conhecimento que se tem sobre a Covid-19 e pelas limitações relacionadas ao desenvolvimento do teste, não é possível identificar a presença ou não do vírus na amostra testada. Ainda não se sabe por quanto tempo os anticorpos IgM e IgG para Covid-19 permanecem no corpo, por este motivo é importante salientar que o teste rápido não detecta especificadamente o novo coronavírus, mas sim os anticorpos produzidos pelo organismo depois de a infecção ter ocorrido. (Secom/Fsa)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
 
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Tinga - material eletrico
 
Magno Felzemburg - Consumidor
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2022

2021

2020

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia