Bahia na Política por Jair Onofre
 

 
 
 

Você acredita que teremos a vacina contra o Covid - 19 ainda esse ano?



Parcial
 
 

Entrevista: Empresário Flávio Rocha
“O Estado gasta com privilégios e falta o essencial”

Empresário bem sucedido, dono da rede de lojas Riachuelo, uma das maiores do Brasil, o pré-candidato à presidência da República Flávio Rocha (PRB) esteve em Feira de Santana. Em um encontro conturbado com empresários, já que sua palestra não passou de 15 minutos, falou sobre direita e esquerda e “nós contra eles”. Antes da palestra, em entrevista coletiva à imprensa, disse que o momento é de parceria dos que produzem, geram riquezas e empregos e que pagam a conta desta gigantesca farra estatal. Ele entende que próxima eleição, que é a mais importante da história do Brasil, pelo menos no período pós-democratização, é um conflito avesso a todos esses conflitos artificiais que foram gerados e que uma pequena elite da aristocracia burocrática puxa a carruagem que está em cima. Ou seja, “os conflitos do que produzem e os que parasitam na máquina estatal”.

Leia Mais

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Enviado por Jair Onofre - 21.11.2020 05:45h
Moeda norte-americana

Dólar tem maior alta desde outubro com ajustes após flertar com suporte técnico

 

O dólar saltou mais de 1% ante o real nesta sexta-feira, na maior valorização diária em mais de três semanas, abandonando queda de mais cedo conforme investidores aproveitaram para realizar lucros após baixas ao longo da semana. (Foto ilustração)

Um clima ainda instável no exterior, em meio a temores sobre disparada de casos de Covid-19 nos Estados Unidos e redução de recursos para empréstimos emergenciais do banco central norte-americano, corroborou o ajuste doméstico, num contexto em que o mercado segue preocupado com o rumo fiscal do Brasil.

O dólar à vista fechou em alta de 1,39%, a 5,387 reais na venda. A moeda bateu a mínima do dia (5,2855 reais, queda de 0,52%) logo no começo do pregão e ganhou força até alcançar a máxima no começo da tarde (5,3928 reais, alta de 1,50%).

O ganho desta sexta é o maior desde 28 de outubro, quando a cotação saltou 1,42%. Na quinta, o dólar havia fechado em 5,3131 reais, mínima em mais de dois meses.

As compras aceleraram neste pregão depois de na véspera o dólar ter ameaçado tocar a média móvel de 200 dias (atualmente por volta de 5,2719 reais) pela primeira vez desde o começo de janeiro. Um rompimento consistente dessa linha de suporte poderia deflagrar mais vendas, derrubando o preço da divisa norte-americana.

Na B3, o dólar futuro valorizava-se 1,49% nesta sexta, a 5,3855 reais, às 17h08. (Por José de Castro)

 
Comente Sem Comentários
 
 

Comentários:

 
Sem comentário para essa postagem!
 

Comente:

 

Nome:

Comentário:

 
 

 

 
 
 
 


 
 
 
 
Facebook
 
 
 
BAN CAF CULTURA
 
Livro do jornalista Jnio Rego
 
Pazzi Povo FM
 
Jair Onofre - Alvorada Sertaneja
 
Genesio Serafim - Loja de vete
 
Lindiomar - Cerveja
 
 
TWITTER
 
LUCY REGE
 
 

2020

2019

2018

 
 
    Bahia na Política © Todos os direitos reservados.
www.bahianapolitica.com.br E-mail: contato@bahianapolitica.com.br
RSS
by M9 Design e Tacitus Tecnologia